No primeiro dia de greve dos servidores públicos, governo do Estado e sindicatos do funcionalismo travaram ontem uma “guerra” de informações, ao mesmo tempo em que admitiam retomar as negociações sobre o reajuste salarial da categoria. Balanço da APP-Sindicato apontou que a paralisação de professores teria atingido 80% das escolas, enquanto que a Secretaria de Estado da Educação afirmava que apenas 27% das unidades de ensino teriam sido parcialmente afetadas pelo movimento. O líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado Hussein Bakri (PSD), anunciou que o Executivo aguarda decisão do Fórum das Entidades Sindicais (FES/PR) sobre a proposta de suspensão temporária da greve para reabrir o diálogo com a categoria.

Fonte: Bem Paraná
Clique aqui para ler a matéria completa