Polícia Civil prende três pessoas por crime ambiental em Campo magro

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) prendeu nesta quarta-feira (5) três pessoas em Campo Magro, na Região Metropolitana de Curitiba, por crimes ambientais de desmatamento, descarte ilegal de resíduos sólidos e associação criminosa.

A PCPR descobriu que os indivíduos faziam parte de uma empresa de terraplanagem que estava envolvida no descarte ilegal de lixo doméstico e de construção em uma área protegida às margens do Rio Passaúna. Esse rio é responsável pelo abastecimento de água de uma parte significativa da população de Curitiba.

As investigações revelaram que os suspeitos praticavam a atividade criminosa há mais de 2 anos, resultando no acúmulo de grande quantidade de lixo na região, destruindo parte da mata atlântica. Estima-se que mais de 700 caminhões de lixo tenham sido despejados no local.

De acordo com o delegado Guilherme Dias da PCPR, os três indivíduos podem enfrentar penas que chegam a 11 anos de prisão pelos crimes cometidos. As investigações continuam para identificar outros envolvidos e determinar a finalidade por trás da ação criminosa.

Foto: Divulgação Polícia Civil

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.