Morar de aluguel é uma boa ideia? Para quem é proprietário do imóvel é ótimo

Quando se trata de moradia, muitas pessoas se veem diante de uma encruzilhada: continuar pagando aluguel ou investir em uma casa própria? Enquanto o aluguel pode parecer a opção mais simples a curto prazo, a longo prazo, ele pode se tornar um peso financeiro sem retorno de investimento. Por outro lado, comprar uma casa própria, especialmente por meio de programas de incentivo como o Minha Casa Minha Vida, oferece benefícios duradouros e significativos.

Mesmo que você não tenha, por exemplo, R$30 mil para dar entrada em uma casa ou apartamento através dos financiamentos bancários tradicionais, porque sua renda não alcança tudo isso, como fazer?

Os contratempos do aluguel
O aluguel é frequentemente visto como dinheiro “jogado fora”, pois você paga mensalmente por um espaço que nunca será seu. Além disso, os contratos de aluguel geralmente incluem reajustes anuais, que podem aumentar seu custo de vida sem oferecer qualquer retorno. Sem mencionar as restrições impostas por proprietários, que podem limitar sua liberdade de fazer do espaço um verdadeiro lar.

0111

Os benefícios da casa própria
Investir em sua própria casa, por outro lado, é construir um patrimônio duradouro. Com a casa própria, cada pagamento é um passo em direção à propriedade plena do imóvel. Além disso, programas como o Minha Casa Minha Vida podem facilitar significativamente este processo. Este programa oferece subsídios que podem cobrir a entrada do imóvel, tornando a compra acessível mesmo para aqueles com menor capacidade de poupança inicial.

Condições na AXAR são muito mais fáceis
Como isso tudo se encaixa no seu orçamento aqui, na AXAR! Muita gente pensa que o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) só pode ser utilizado quando o contrato de trabalho acaba, mas não. O FGTS pode ser usado no financiamento da casa própria tanto para reduzir o seu financiamento, que chamamos de amortização, e também para compor o valor da entrada. Sim, vai reduzir muito e na AXAR Incorporadora, essa entrada pode ainda ser parcelada.

E tem ainda o Programa Estadual da Cohapar, o Casa Fácil, com R$20 mil entrando na composição.

Juntando tudo isso, você pode ter até R$70 mil de subsídio (R$50 mil do Minha Casa Minha Vida e R$20 do Casa Fácil) com a facilidade do parcelamento da AXAR e prestações que vão reduzindo conforme o contrato avança!

Como fazer o cadastro no Minha Casa Minha Vida?
Vamos explicar agora, anote tudo!
1 – Precisa fazer a inscrição no Cadastro Habitacional e atualizar as informações no Cadastro Único (CADÚNICO), que é realizada exclusivamente pela prefeitura. A atualização das informações no Cadastro Único, vale lembrar, é condição obrigatória para participação no Minha Casa Minha Vida.

2 – Havendo imóveis disponíveis na localidade, a prefeitura ou o governo do DF envia a lista dos candidatos para a CAIXA que verifica se os candidatos estão nas regras do programa. Se tudo estiver dentro do solicitado, vamos em frente

3 – Quando for o momento da apresentação da documentação, os candidatos
selecionados serão informados sobre demais detalhes para assinatura do contrato.

Quem recebe entre um salário mínimo até R$ 4400 de salário bruto como renda por mês consegue participar do Minha Casa Minha Vida com subsídio do Governo, que te ajuda a pagar a entrada. Quem está nessa condição faz parte das faixas 1 e 2 e consegue pegar um imóvel de até R$264 mil.

Quer um exemplo?
Você quer comprar um apartamento que custa R$250 mil reais, que precisa de R$50 mil de entrada, que é 20%. Mas vale um ponto de atenção: a entrada mínima é de 20% do valor do imóvel, mas existem vários benefícios que podem até zerar essa entrada, dependendo do perfil do imóvel e do cliente. Para isso é importante fazer uma simulação, pois o percentual de entrada pode ser até menor conforme a avaliação do imóvel

O Minha Casa Minha Vida consegue entregar essa entrada para a casa própria, mas vale ficar atento com a localização. Em Almirante Tamandaré, por exemplo, o valor é de R$ 225 mil.

Serve tanto para quem é CLT ou MEI: só precisa ter o Imposto de Renda para comprovar a renda.

LEIA TAMBÉM:
>>Guia completo sobre juros de obra em 2024: o que você precisa saber antes de investir em imóveis na planta<<
>> Guia completo para comprar imóvel na planta na Grande Curitiba: realize seu sonho com segurança e tranquilidade<<

Para imóveis maiores, como fazer?
Um imóvel de R$250 mil reais pode ser pequeno ou longe demais de onde você quer morar, não é mesmo? Qual é a dica da AXAR Incorporadora para quem deseja ter um apartamento ou casa maior, que custe, por exemplo, R$500 mil?

Simples: comece com um imóvel menor! Vá aos poucos, pois na Faixa 1 e 2 não há como conseguir usando o Minha Casa Minha Vida, mas se começar com um imóvel que esteja nesta faixa, fica mais fácil começar o caminho.

Vá juntando mais recursos para quitar o imóvel e depois vender para comprar outro. Vamos combinar que ter um apartamento de R$250 mil na mão pode ser dinheiro na mão com uma venda – e é mais fácil do que ficar juntando até chegar aos R$500 mil.

Que tal conhecer nosso novo canal no YouTube? Clique aqui e siga a gente!

01 axarO caminho para a liberdade financeira
A longo prazo, a propriedade de um imóvel também pode oferecer segurança financeira. Proprietários têm a liberdade de modificar sua casa conforme suas necessidades e desejos, aumentando seu valor de mercado e seu conforto pessoal. Além disso, a propriedade de um imóvel pode servir como uma importante reserva de valor e fonte de renda pela valorização do imóvel.

Em resumo, enquanto o aluguel pode ser conveniente no curto prazo, ele não oferece o mesmo retorno financeiro ou pessoal que a compra de uma casa própria. Programas como Minha Casa Minha Vida e as facilidades oferecidas pela AXAR Incorporadora tornam a transição do aluguel para a propriedade muito mais acessível e vantajosa. Invista no seu futuro hoje e transforme seu aluguel em um investimento duradouro com a compra da sua própria casa.

Invista no seu futuro hoje e transforme seu sonho em realidade com a AXAR Incorporadora. Diga adeus ao aluguel e olá para a sua nova casa!

 

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.